Você está aqui: Home › Colunas › Artigos e Reflexões
Artigos e Reflexões

E-mail: psrc-srpq@hotmail.com

20/09/2019
Comentários para a Liturgia do Mês de Outubro

Dias 05 e 06 – 27° Domingo do Tempo Comum

 

Dando início a este mês missionário, queremos realmente adentrar na dinâmica daqueles que, chamados por Cristo, tornam-se seus colaboradores na construção do Reino, Reino este que será exposto para nós nesta celebração como a consciência de que nada somos, mas em Cristo tudo podemos. 

 

Dia 12 – Sábado – Nossa Senhora da Conceição Aparecida, Padroeira do Brasil

 

Desde as primeiras horas deste dia, a Igreja no nosso país nos motiva a celebrarmos a Rainha e Padroeira do Brasil, Nossa Senhora Aparecida! E não poderia ser diferente, uma vez que Maria é apresentada como aquela que ouviu a Palavra de Deus, como a serva do Senhor, que diz “Sim” à sua Palavra, como a cheia de graça, aquela que nada é em si mesma, mas que é tudo por bondade de Deus. Assim, ela é o modelo original dos homens que se abrem a Deus e se deixam enriquecer por ele, a meta a ser buscada para a humanidade que crê.

 

Dia 13 – Domingo – 28° Domingo do Tempo Comum

 

Disponível para Deus: assim deve ser o coração do homem, sabendo que o que é impossível para ele, para o Senhor não é nada. Assim sendo, que nada nem ninguém seja posto no lugar de Deus, para que o homem aceite seu amor misericordioso e sua compaixão! Somente quando nos conscientizarmos deste fato, é que poderemos estar livres para confiarmos plenamente em Deus, de verdade!

 

Dias 19 e 20 – 29° Domingo do Tempo Comum

 

Por mais que o mundo nos exclua e queria não nos ouvir, quando insistimos conosco mesmo, de buscarmos nossos direitos; aí sim, Deus toma à frente em nossas vidas e nos mostra os caminhos a serem percorridos, para que alcancemos àquilo que nos pertence e sejamos justificados, não só diante dele, mas também diante do mundo.

 

Dias 26 e 27 – 30° Domingo do Tempo Comum

 

Neste final de semana, queremos enquanto comunidade orante, entender como acontece o encontro entre dois amores. Se o nosso Deus se revela pessoalmente, servindo-se das categorias humanas e nos revelando ser Jesus, o Filho de Davi que cumpri a sua promessa e liberta o homem todo, é porque não é demasiada ousadia afirmar que é preciso conhecer o homem para conhecer a Deus, amá-lo a fundo para amar a Deus... 

 

Veja mais em "Artigos e Reflexões " [veja todos]

Edições Digitais

 

Acompanhe aqui as escalas do mês.